Enbrageo Engenharia Ltda. Desde 1991

Tirantes

Elemento linear capaz de transmitir esforços de tração entre suas extremidades. Na extremidade exterior a ancoragem se faz pela cabeça de protensão e a extremidade enterrada pelo bulbo ancorado. O trecho que liga a cabeça de protensão ao bulbo é conhecido como trecho livre.

Para garantir elevadas tensões de tração, os tirantes, normalmente, são constituídos por um ou mais elementos de aço, que são introduzidos no terreno através de perfuratrizes rotativas ou rotopercussivas.

A solidarização do bulbo de ancoragem com o maciço ocorre pela injeção controlada de calda de cimento ou outro aglutinante, de modo a garantir a transferência de esforços.

De acordo com as Normas Brasileiras vigentes, todo tirante deve ser ensaiado, individualmente, com cargas superiores ao projetado, garantindo o índice de segurança pertinente a obra.

A sua utilização é amplamente difundida pela engenharia corrente, empregada no combate ao empuxo de terra, contenção de taludes, bem como sustentação de paredes para escavações profundas; no combate a esforços de tração diretos em estruturas especiais, tais como: lajes de subpressão, chumbamentos de superfícies rochosas, ancoragem de fundo de cavas, fundação de barragens, fundação de torres de linhas de transmissão, provas de cargas e inúmeras atividades onde atuam esforços de tração.